Motivação no trabalho e o impacto nas finanças corporativas

Tempo de leitura: 10 minutos

Você já pensou no quanto a motivação no trabalho interfere nos resultados da sua empresa e, consequentemente, na lucratividade do seu negócio?

Uma empresa onde os profissionais estão desmotivados, que procrastinam suas tarefas e não as executam com boa qualidade, tem um grande problema a ser resolvido. 

Sabe porquê? Nesse cenário é impossível ter um desempenho satisfatório para alcançar um bom retorno!

Se essa é uma questão detectada pelas lideranças da sua empresa, está na hora de reverter a situação e pensar em ações para melhorar a produtividade e a motivação no trabalho dos funcionários.

Continue a leitura para entender a importância de manter o ânimo do pessoal em alta e conhecer dicas valiosas!

O que é a motivação no trabalho?

A motivação no trabalho é um fator de natureza subjetiva e individual, que afeta diretamente a autoestima profissional. 

Algumas pessoas são estimuladas pela oferta salarial, outras pelos desafios e também há aquelas que trabalham melhor quando encontram um clima organizacional positivo.

A motivação é constituída pelos fatores pessoais indispensáveis para se manter em um cargo. Esse sentimento direciona as ações do colaborador e influencia na satisfação, comprometimento, produtividade e também nos resultados da empresa. 

Por outro lado, a empresa deve se preocupar em oferecer uma estrutura física e um ambiente que favoreçam o entusiasmo e a eficiência da equipe. 

Sem motivação os colaboradores produzem menos e o impacto negativo na saúde do seu negócio se torna inevitável. 

Qual é a importância da motivação para o seu negócio?

Embora você já tenha percebido a importância da motivação no trabalho, existem outros benefícios que, com certeza, lhe convencerão de que é preciso proporcionar melhorias que favoreçam o comportamento da equipe e a sua satisfação em trabalhar. Confira:

Melhorar os resultados

A sua empresa quer virar o jogo e mudar de patamar? Você sabe que para melhorar os resultados é necessário ter competência e comprometimento. No entanto, aliar a motivação no trabalho a esses fatores, sem dúvida, ajudará a melhorar os resultados da empresa.

Em pouco tempo você perceberá que o colaborador motivado tem mais empenho e proatividade para executar as tarefas. Logo, o rendimento é maior e pode-se esperar um avanço nos resultados.

Não há dúvidas de que a empresa só tem a ganhar quando os funcionários são comprometidos com os objetivos, se dedicam para alcançar as metas e melhorar a performance. 

Dessa forma, a probabilidade do faturamento da sua organização crescer é bem maior. 

Reduzir o turnover

Trocar grande parte da equipe de colaboradores em um curto período é um procedimento comum no lugar onde você trabalha? Saiba que essa ação causa um impacto negativo e traz prejuízo financeiro. 

O turnover é o indicador de rotatividade dos funcionários. No Brasil esse dado é alarmante: 82% de acordo com a pesquisa da Robert Half.

Existem algumas justificativas por trás desse número, como a disputa pela contratação de profissionais qualificados, remuneração baixa ou falta de reconhecimento. Contudo, a falta de motivação no trabalho também impulsiona o turnover. 

Para amenizar essa questão o ideal é que os líderes e gestores criem táticas para estimular o ânimo da equipe e evitar prejuízos da rescisão de contrato por esse motivo. 

Fortalecer a autoestima profissional

A valorização que uma pessoa confere a si própria é indispensável para manter a confiança na sua capacidade de realizar as atividades que lhe são atribuídas. 

A autoestima profissional eleva a motivação no trabalho e, com isso, as pessoas se sentem importantes para a organização. Elas começam a acreditar mais no seu potencial e podem até aumentar o nível de produtividade.

Então, comece a reconhecer as habilidades da sua equipe e acredite no poder desse sentimento para fortalecer a motivação no trabalho.

Colegas de trabalho conversam e sorriem, segurando xícaras coloridas

Como avaliar a motivação dos colaboradores?

Para saber como está a motivação no trabalho será necessário analisar o nível de encorajamento dos colaboradores. Conheça os indicadores!

Produtividade

Como você viu aqui, motivação e produtividade estão correlacionados. Se o desempenho está baixo, impossibilitando o alcance das metas, isso é sinal de que há pouco estímulo.

Os objetivos da empresa devem ser definidos por OKRs para então serem transformados em indicadores-chave de desempenho (KPIs) a nível geral ou individual. O gestor poderá acompanhar a evolução nos resultados com base nos KPIS e, se necessário, criar estratégias para atingir os objetivos esperados.

Por sua vez, os indicadores devem ser definidos de acordo com as particularidades de cada empresa. Em uma equipe de vendas, por exemplo, a produtividade pode ser medida por meio do número de vendas fechadas por período, o valor médio dos contratos, custo de aquisição por cliente e assim por diante.

Esses indicadores são essenciais para que os gestores tenham um parâmetro da produtividade e, por consequência, da motivação no trabalho de cada colaborador ao longo do tempo.

Clima organizacional

O clima organizacional indica a percepção das pessoas sobre a qualidade do ambiente de trabalho. Relacionada à satisfação, motivação no trabalho e engajamento, ele é importante para garantir, entre outros fatores, o rendimento e um bom relacionamento interpessoal. 

Quando o clima não está positivo é preciso implementar algumas mudanças. 

Uma sugestão é fazer uma pesquisa de clima organizacional para medir o nível de contentamento dos envolvidos e a partir dos dados obtidos veja quais ajustes serão necessários.

Turnover

A taxa de turnover também é um dado importante no diagnóstico da motivação no trabalho, pois o número muito alto pode ser um sinal de desmotivação e clima organizacional ruim. 

O que fazer nessa situação? Analise especificamente os pedidos de demissão e os motivos apresentados pelo colaborador que tomou essa decisão. Depois, tente resolver as falhas detectadas para que elas não se repitam com novos colaboradores que foram contratados. 

Caso os problemas não sejam resolvidos a sua empresa continuará desembolsando com processo de recrutamento e seleção, exames admissionais e demissionais dentre outros gastos. 

Feedbacks

Os feedbacks têm grande relevância tanto para o profissional quanto para a empresa. 

Os dois tipos de feedback ー positivo e negativo ー são importantes para o progresso da organização, já que o intuito é estimular melhorias ou destacar os pontos positivos de quem já faz um bom trabalho.

Disponibilize um momento para conversar com os membros da sua equipe, dê retorno sobre o desempenho de cada um, elogie ou especifique o que precisa ser corrigido. 

Essa prática é importante para detectar situações de baixa motivação ou melhorá-la, garantindo o desenvolvimento de todos. 

Engajamento

O engajamento no trabalho é determinado pelo comprometimento dos funcionários e a vontade de crescer com a organização.

Para alcançar esse envolvimento as pessoas devem se identificar com a missão, valores e visão da organização, e entender que os resultados alcançados também são seus.

Observe o envolvimento dos funcionários com as tarefas do dia a dia e a colaboração existente entre a equipe para mensurar o engajamento. 

Outra opção são as pesquisas periódicas, até mesmo utilizando o NPS, para saber se nível de motivação pode crescer ao ponto de transformá-los em promotores da sua empresa. 

Proatividade

Você tem observado que os funcionários estão entregando deixando a desejar? Pode ser que a motivação anda em baixa e falta ânimo para buscar soluções, propor novidades e fazer além do que se esperado.

Observe o perfil da sua equipe e, se necessário, incentive a proatividade para que as pessoas resolvam os problemas que estão ao seu alcance. 

Lembre-se de reconhecer essa atitude para que o bom trabalho continue sendo realizado. 

Absenteísmo

O absenteísmo também pode ser provocado pela falta de motivação no trabalho. Se um funcionário se atrasa constantemente, falta ou não completa o expediente integralmente, talvez seja mais um indício de desmotivação. 

Promover um clima organizacional agradável, com uma comunicação clara e abertura para receber feedbacks é uma boa maneira de identificar as insatisfações e contornar essa situação.

Colegas de trabalho sentados a mesa conversam e sorriem durante reunião

O que fazer para incentivar a motivação no trabalho?

Liderança e motivação são o segredo para ter uma equipe engajada. Agora que você já sabe como avaliar a motivação no trabalho, aprenda boas maneiras de incentivá-la. Vamos lá!

Reconheça o trabalho da sua equipe

Não há nada mais satisfatório e incentivador do que ser reconhecido pela sua dedicação. 

Portanto, lembre-se de expressar o seu contentamento não apenas com as metas batidas, mas também com as pequenas conquistas do dia a dia.

Crie o hábito de dar e receber feedbacks

Na maioria das vezes temos o costume de comunicar somente as questões que precisam ser melhoradas. Sem dúvidas, as falhas devem ser apontadas e corrigidas, caso contrário, a empresa não terá condições de se desenvolver. 

Os feedbacks, principalmente os positivos, são essenciais para manter a motivação no trabalho. Aproveite essa metodologia para incentivar e melhorar a performance dos colaboradores. 

Dê oportunidade de crescimento profissional

Quando o indivíduo sabe que existe a oportunidade de ascensão dentro da empresa, naturalmente, ele se esforçará para fazer um bom trabalho.

Por esse motivo, é interessante elaborar um plano de carreira para definir o que se espera do profissional caso ele demonstre interesse e competência para ocupar uma posição superior.

Capacitação profissional

Saber que a empresa confia no seu trabalho e, melhor ainda, investe na sua capacitação profissional é um grande incentivo para os funcionários.

O aperfeiçoamento e o desenvolvimento de novas competências aumenta a motivação. Dessa forma, o colaborador proporciona um resultado melhor para a organização. 

Incentive o relacionamento interpessoal

Ter um bom relacionamento com os colegas  também é uma forma de motivação no trabalho.Para oportunizar um ambiente agradável, estimular a comunicação e a colaboração entre equipe, pode-se investir em confraternização da empresa, dinâmicas em grupo e happy hours.

Duas mulheres conversam e tomam café durante a pausa de trabalho

Determine metas alcançáveis

Sem metas não é possível alcançar os objetivos, ter um retorno financeiro satisfatório e, mais do que isso, lucrar com a comercialização de um produto ou prestação de serviços.

Saber como motivar uma equipe de vendas, por exemplo, é necessário para haver esforço em prol dos objetivos propostos. Entretanto, tenha cuidado na hora de estipular valores alcançáveis e não ocasionar o efeito contrário, desmotivando a equipe.

Conclusão 

A motivação no trabalho é um fator de preocupação tanto do RH, quanto da diretoria e lideranças. É necessário dar atenção a essa questão para melhorar os ganhos financeiros da empresa, minimizar o turnover e o gasto com novas contratações.A motivação é fundamental para manter as pessoas comprometidas com as suas atividades. Que tal descobrir como a marcação de ponto correta também é importante para motivá-los?