Biometria facial: conheça a tecnologia que revolucionou a marcação do ponto

O sistema de biometria facial é uma categoria de software que traça as características faciais de uma pessoa e as armazena como uma impressão facial. Ele faz uso de algoritmos para comparar a imagem real com a imagem digital armazenada e, assim, verificar a identidade.

A biometria facial é uma tecnologia que tem sido usada cada vez mais como meio de identificação, seja para desbloquear o smartphone ou permitir o acesso em algum local.

No Brasil e no mundo a biometria facial é uma realidade, tanto em empresas privadas quanto no setor público. Esse método pode ser adotado em várias situações, inclusive no controle de jornada

Neste post explicaremos como funciona a biometria facial, em quais setores econômicos ela tem sido mais empregada e como você pode otimizar os processos do RH e do DP implementando o ponto digital biométrico. Confira!

Navegue pelo menu abaixo e não perca nosso conteúdo:

O que é biometria facial

O que é biometria facial

O sistema de biometria facial é um espécie de software que realiza o mapeamento das características faciais de uma pessoa e armazena essas informações como uma impressão facial. 

No rosto humano é possível identificar cerca de 80 pontos nodais usados para medir variáveis. 

Essas variáveis podem ser o comprimento ou a largura do nariz, a distância entre os olhos, a espessura do lábio etc. 

É a captura dessas características que contribui para a identificação e validação da impressão facial sobre a qual falamos há pouco.

A biometria facial, então, registra e codifica essas informações pessoais, determinando a identidade do indivíduo a partir da análise da sua face. 

Como cada pessoa possui características únicas, essa tecnologia permite a autenticação da identidade de forma rápida e prática nos mais diversos segmentos, desde o entretenimento até a segurança.

Aproveite que está por aqui e não deixe de conferir estes conteúdos:
👉 Segurança no trabalho: as principais ações a serem tomadas
👉 Responsabilidade social empresarial: o papel do RH
👉 Relação de trabalho: entendendo os principais tipos
👉 LGPD: entenda a Lei Geral de Proteção de Dados
👉 Auditoria: entenda o que é e como conduzir

Como funciona o sistema de reconhecimento de face

Como funciona o sistema de reconhecimento de face

Quando falamos sobre biometria facial, o primeiro sentimento que temos é de curiosidade, já que seu funcionamento ainda é um mistério para muitas pessoas. 

O sistema de reconhecimento facial necessita de uma câmera, por meio da qual será possível localizar o rosto apresentado e captar as informações. 

Na etapa de pré-processamento, também conhecida como normalização de recursos, os dados reunidos são resumidos em um único formato, ou seja, resolução, zoom e nível de brilho padronizados.

Após esse passo, o leitor extrai os dados das imagens. Isso ocorre por meio da leitura das informações mais relevantes, ou seja, que possuem maior valor. Ao mesmo tempo, ele elimina os ruídos. 

Como funciona a biometria facial

Nesse ponto, é interessante notar que as características faciais conseguem ser lidas mesmo quando há algum tipo de alteração no visual do indivíduo, como um corte de cabelo, uma maquiagem diferenciada ou mesmo a barba.

Esse fato só evidencia o quanto a biometria é precisa. Um estudo realizado pelo Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia dos EUA mostrou que a precisão dos dados biométricos passou de 96% para 99,8% só entre 2014 e 2018.

Da análise ao mapeamento

Da análise ao mapeamento biométrico facial

O objetivo dessa tecnologia é fazer o mapeamento de vários pontos do rosto humano, utilizando algoritmos matemáticos. 

Esses pontos, como já mencionamos, são chamados de pontos nodais. Existem cerca de 80 pontos nodais na face humana. 

Durante a varredura, algumas características do rosto são analisadas pelo sistema. Algumas são:

  • cicatrizes e marcas diversas;
  • distâncias entre os pontos do rosto (do nariz aos olhos; da boca ao queixo; dos olhos às sobrancelhas etc.); 
  • contorno da face; 
  • formato da extremidade do rosto.

Depois de mapeados esses pontos, uma imagem tridimensional é gerada e transformada em uma sequência de números. 

Esses números, por sua vez, são armazenados e reconhecidos pelo sistema. São essas informações que geram a identidade facial sobre a qual comentamos no início deste post.

Essa identidade facial é, posteriormente, comparada às informações armazenadas em bancos de dados. 

É por meio da comparação desses dados que o sistema estabelece o nível de similaridade entre o rosto analizado e a imagem existente. 

Quais as vantagens da biometria facial? Confira as 5 principais

Vantagens da biometria facial

Foi-se o tempo em que o reconhecimento facial era retratado nos filmes como o ápice da inovação tecnológica. 

Hoje ele é uma realidade inclusive muito benéfica para pessoas e empresas dos mais diversos segmentos, trazendo facilidades e benefícios em inúmeras esferas sociais.

Quer saber quais são as vantagens da biometria facial para o seu negócio? Acompanhe e veja a lista que preparamos.

1. Redução de fraudes e roubos

Nunca se falou tanto em segurança de dados quanto nos dias atuais. Cada vez mais as empresas precisam se preocupar em preservar as informações de seus clientes, e nada melhor para solucionar essa questão do que o uso da tecnologia.

Toda e qualquer empresa que lide com banco de dados está sujeita a invasões no sistema e roubo de informações. 

Normalmente são as instituições financeiras os alvos mais visados e frequentes. Os criminosos costumam fraudar a identidade dos clientes e, assim, acessar as informações.

Contudo, a partir da validação biométrica facial, esse problema é solucionado, evitando prejuízos e quebra de confiança.

2. Implementação facilitada

É normal que haja certa resistência à implementação de um sistema novo em qualquer lugar que seja. Afinal, há sempre o medo de essa nova solução ser mais complexa do que se imaginava.

No entanto, no caso da biometria facial, o sistema pode ser configurado com muita facilidade. Sua utilização também é bastante simples, tornando a vida do colaborador mais fácil e não demandando tempo de treinamento. 

3. Fácil integração a outros sistemas

A integração facilitada com outros sistemas é um ponto bastante favorável à tecnologia de biometria facial. 

As empresas normalmente já contam com softwares de gestão, como um ERP, por exemplo.

A boa notícia é que os sistemas de reconhecimento trabalham perfeitamente com essas soluções. Eles servem como uma camada extra de proteção, reforçando a vantagem que mostramos no item anterior.

A integração entre os sistemas promove uma grande economia financeira, uma vez que não será necessário lidar com programas e manutenções diferentes.

4. Precisão

Como mencionamos, o rosto humano tem características próprias, individuais. Isso faz com que ninguém tenha a mesma identidade facial, e é isso que garante a exatidão desse sistema.

O reconhecimento é feito de maneira tridimensional, podendo usar até mesmo imagens de câmeras infravermelhas. 

A alta precisão da biometria facial é o que garante a segurança da empresa contra um invasor que deseja sequestrar seus dados, por exemplo.

Além disso, essa é uma tecnologia que está em constante aprimoramento e desenvolvimento, visando sempre a veracidade dos dados e a segurança das informações.

5. Monitoramento de acessos

Já falamos um pouco aqui no blog sobre a importância do monitoramento dos colaboradores e como fazer isso da melhor maneira possível. 

Contudo, realizar o acompanhamento de todas as pessoas que acessam as dependências da empresa é um trabalho imprescindível e, muitas vezes, oneroso.

A partir da biometria facial é possível fazer esse controle sem perder tempo olhando as câmeras ou contratando uma empresa especializada para isso. Esse processo passa a ser automatizado. 

Esse sistema permite que apenas profissionais autorizados tenham acesso às dependências da empresa, bem como a equipamentos, arquivos, computadores etc. O monitoramento se estende ao controle de jornada.

Até mesmo ambientes como laboratórios, salas de reunião, centros de treinamento e outros locais cuja entrada seja restrita estarão protegidos. 

Como vimos, a biometria facial otimiza os processos da empresa, além de reduzir o roubo de identidade e as tentativas de fraude. 

Por meio de uma tecnologia eficaz, muitos passos na organização são feitos de forma automática, com intervenção humana reduzida.

Onde essa tecnologia de reconhecimento pode ser aplicada

Onde essa tecnologia de reconhecimento pode ser aplicada

Temos falado muito no artigo sobre as vantagens oferecidas pela tecnologia de biometria facial e como ela reforça a segurança dos dados de uma empresa e seus colaboradores.

Contudo, nada melhor para mostrar a usabilidade desse sistema do que por meio de exemplos. Vamos elencar alguns abaixo e mostrar onde entra a biometria facial em cada caso.

Segurança pública

A segurança pública só tem a ganhar com o sistema de reconhecimento por meio da biometria facial.

A partir de uma base de dados completa é possível identificar e localizar criminosos, assim como pessoas procuradas pela Justiça, como alguém que deve pensão alimentícia, por exemplo.

Transações

Já é uma realidade o uso de biometria facial por instituições financeiras. Inclusive, algumas transações já podem ser realizadas utilizando apenas o reconhecimento como validação.

Até mesmo os caixas eletrônicos têm adotado a biometria facial como uma forma de identificar os clientes, tornando as senhas numéricas meios já obsoletos. 

Atualmente  existem tecnologias cada vez mais avançadas para as transações entre instituições, como pagamentos e saques. 

O reconhecimento facial também é utilizado nesse sentido, uma vez que caixas eletrônicos já têm adotado a ferramenta como forma de identificação.

Prevenção a fraudes de identidade

Por meio da utilização do sistema de biometria facial fica mais difícil fraudar a identidade dos indivíduos. 

Como o reconhecimento facial é exato, ele elimina a necessidade de documentos em papel para comprovar a identidade, sendo, inclusive, um sistema mais simples para os usuários. 

Analisando do ponto de vista empresarial, a biometria do rosto contribui significativamente para tornar os processos mais práticos e seguros.

Além de automatizar muitas funções, com ela não há a necessidade de envio de documentos em papel, o que torna a experiência do cliente muito mais positiva em vários contextos.

Controle de acessos

A biometria facial atua, ainda, como um meio de controle que permite a pessoas autorizadas transitar em determinados espaços, como laboratórios, cofres etc.

Outro exemplo é quanto à segurança em condomínios. Esse assunto tem sido uma preocupação constante, porque as pessoas buscam segurança quando o assunto é moradia.

Se pensarmos no crescimento acelerado dos centros urbanos e, consequentemente, dos índices de criminalidade, vemos a necessidade de uma tecnologia voltada à proteção dos moradores e visitantes.

Um sistema de reconhecimento facial é bem-vindo para permitir que apenas pessoas autorizadas entrem nos condomínios e nos prédios, sejam eles comerciais ou residenciais.

Gestão de RH

A biometria já está bem presente na vida das pessoas. Como temos visto, sua utilização engloba todos os setores da sociedade, inclusive os empresariais, financeiros e de segurança. 

A tendência é que sua utilização cresça ainda mais, trazendo mais tecnologia, praticidade e seguridade. E isso tudo também pode ser visto dentro do setor de RH.

Nós aqui do Tangerino sempre batemos na tecla: uma boa gestão de pessoas é benéfica para todos, empregadores e colaboradores.

Com o passar dos anos, o setor de Recursos Humanos tem se tornado cada vez mais estratégico, usando a tecnologia e seus avanços para melhorar os processos e otimizar o tempo dos profissionais.

Atividades que fazem parte da rotina do RH e do DP, como o controle de ponto e fechamento da folha, costumam ser trabalhosas, requerendo tempo e atenção dos responsáveis.

Contudo, a simples adoção de um sistema de ponto por reconhecimento biométrico facial já soluciona muitos problemas que esses profissionais enfrentam, além de fornecer dados que ajudam a melhorar a experiência e segurança dos colaboradores.

Esse sistema permite aos trabalhadores bater o ponto em qualquer dispositivo móvel, sendo necessário apenas uma câmera e acesso à internet.

Quer entender como o ponto biométrico facial funciona na prática? Então continue conosco, vamos falar mais sobre isso no próximo tópico.

Como funciona o ponto por biometria facial do Tangerino

Como funciona o ponto por biometria facial do Tangerino

A primeira pergunta feita pela grande maioria dos gestores que procuram pelo nosso app é: a solução de você é legal? Pois saiba que sim, o Tangerino é legal!  

Até a publicação da Portaria 1510 do MTE, também conhecida como “lei do controle de ponto”, eram previstas três formas de controle de ponto: manual, mecânico e eletrônico, este representado pelos relógios de ponto tradicionais.

Com a publicação da Portaria 373 do MTE, foi possível desenvolver novas tecnologias que facilitam o controle de jornada dos colaboradores e ainda otimizam a rotina dos setores de recursos humanos. Um dos exemplos são os softwares e aplicativos de controle de ponto.

Um app de controle de ponto nada mais é do que um software para computadores e dispositivos móveis, como smartphones e tablets, gerenciado pela própria empresa.

Onde quer que o trabalhador esteja, ele pode realizar a marcação de ponto usando o próprio celular e, com isso, garantir maior precisão no controle da sua jornada de trabalho.

A grande vantagem é que essa marcação pode ser feita inclusive quando o dispositivo estiver offline. 

Quando ele for conectado à internet novamente, o aplicativo transmite os dados para a empresa e a equipe de RH pode consolidar os relatórios de jornada praticamente em tempo real.

Além disso, ao adotar sistemas como esses, a empresa pode disponibilizar meios de registro de jornada como tablets ou computadores, se mantendo em dia com o que versa a Portaria 373.

Cabe ressaltar que sistemas alternativos de controle de ponto também passam por uma rigorosa inspeção do Ministério do Trabalho para que sua comercialização seja autorizada. 

Neste sentido, é sempre recomendado que você se certifique de que o aplicativo de controle de ponto que vai contratar é homologado pelo MTE.

Vantagens do aplicativo Tangerino para o controle de ponto

Vantagens do aplicativo Tangerino para o controle de ponto

Você já sabe que o controle de ponto de funcionários é obrigatório por lei. Mas, para além da compulsoriedade, você sabia que o controle de frequência dos funcionários pode proporcionar muitos benefícios?

Nós estamos sempre preocupados com o bem-estar dos colaboradores e empregadores, por isso ficamos atentos à rotina do RH e do DP para encontrar formas de facilitar o trabalho desses profissionais.

Pensando nisso, elencamos algumas vantagens que o uso de um app de controle de ponto pode trazer para a sua empresa. Confira!

Reduzir o trabalho manual e burocrático e aumentar a confiabilidade

Fazer o controle de frequência dos funcionários é um processo contínuo e burocrático que pode ser otimizado em qualquer empresa.

Com um sistema de ponto digital, não é preciso deixar uma equipe dedicada a controlar as horas, o que garante aumento de produtividade e da qualidade em atividades importantes.

Além disso, sistemas de ponto eletrônico também são mais confiáveis que planilhas. Afinal, eles possuem menos chances de falha e manipulação, pois registram tudo de forma automática.

Monitorar equipes externas ou trabalhadores em home office

Outra vantagem de contar com um sistema de controle de frequência dos funcionários é a possibilidade de monitorar as horas dos colaboradores que se encontram fora da empresa, como o controle de ponto home office e de equipes externas.

Por meio de um aplicativo, os funcionários podem registrar sua jornada de trabalho a partir de qualquer lugar.

Vale lembrar que a Reforma Trabalhista determina que o regime de teletrabalho (ou home office) tenha o limite de 44 horas semanais e 220 horas por mês e que o controle de horas pode ser estabelecido em acordos individuais ou coletivos.

Ter mais controle sobre a jornada de trabalho

A jornada de trabalho conta com muitas especificidades que devem ser atendidas pelas empresas para evitar processos trabalhistas. Horas extras, intervalo intrajornada e jornada de trabalho flexível são apenas algumas delas.

Uma das principais vantagens de contar com um sistema para controlar a frequência dos funcionários é ter uma melhor gestão das jornadas de trabalho. 

Dessa forma, a empresa pode garantir que as normas estão sendo cumpridas e, eventualmente, utilizar os registros para comprovar isso perante a justiça.

O controle de frequência dos funcionários só é obrigatório por lei para empresas com mais de 20 colaboradores. Entretanto, organizações de diferentes portes podem aproveitar os benefícios de contar com um software de controle de ponto.

Mais confiabilidade, maior controle das jornadas, menos burocracia e monitoramento de equipes externas são alguns dos benefícios do controle de ponto digital.

Tangerino Totem: o novo controle de jornada na sede

Tangerino Totem: o novo controle de jornada na sede

O sistema alternativo de ponto tem sido bastante útil para as equipes em home office. É possível registrar e acompanhar a jornada de forma simples, pelo smartphone ou tablet do empregado.

E não é porque as equipes estão voltando para o escritório que esse sistema precisa ser abandonado. Hoje em dia, há formas de fazer o controle de ponto na sede durante a pandemia sem que haja a necessidade de toques.

Essa solução envolve o reconhecimento facial. Em vez de fazer a leitura biométrica do dedo do funcionário — como é feito no relógio de ponto eletrônico —, o aplicativo identifica a biometria facial. 

A boa notícia é que, para isso, não é preciso ter uma ferramenta muito moderna. Basta contar com um dispositivo com câmera frontal, como um tablet.

Pensando nas empresa que não podem parar, desenvolvemos o Tangerino Totem, um aplicativo para controle de ponto na sede durante a pandemia totalmente sem toque.

Para você ter uma ideia de sua praticidade, para bater o ponto basta apresentar um QR code e tirar uma selfie que o ponto é registrado de forma segura e automática. 

Além dessa funcionalidade, o app Tangerino oferece ainda a geolocalização do colaborador. Todos os dados colhidos pela plataforma são enviados ao gestor, que conta com um controle mais preciso, essencial para as estratégias do negócio.

Vamos explicar detalhadamente o funcionamento dessa solução no vídeo a seguir:

Aproveite para se inscrever no nosso canal, estamos sempre produzindo conteúdos úteis para gestores de RH e DP!

A biometria facial se mostrou bastante útil nesse retorno às atividades presenciais nas sedes das empresas. No entanto, ela já era usada no controle de acesso e no ponto por aplicativo. 

Isso nos mostra o quanto é importante estar por dentro das inovações tecnológicas no campo da gestão de pessoas para que sua empresa usufrua dessas vantagens e tenha maior crescimento.

Entendeu como é importante adotar essa tecnologia na sua empresa agora mesmo? Agende uma demonstração e veja como o Tangerino vai revolucionar o controle de ponto na sua empresa pelo reconhecimento facial!

teste grátis 14 dias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.