Plano de saúde empresarial: os principais detalhes do benefício

O plano de saúde empresarial é um benefício oferecido aos colaboradores e seus familiares para que eles possam contar com assistência médica sempre que precisarem. Com a adesão, a empresa ganha em aumento de produtividade e, consequentemente, lucratividade.

A manutenção da saúde dos colaboradores precisa ser um assunto que cabe não apenas a eles, mas aos empregadores também. Distúrbios e enfermidades, além de afetarem a vida pessoal, impactam a performance dos profissionais. 

É por isso que o plano de saúde empresarial é bastante procurado pelos trabalhadores que querem mudar de empresa ou estão à procura de emprego.

Esse benefício não é obrigatório. Contudo, diversas empresas o fornecem para seus colaboradores, pois essa é uma forma de valorizá-los. Além disso, pode trazer diversos benefícios para ambos.

Pensando nisso, neste texto iremos estudar desde os conceitos mais básicos a respeito do plano de saúde empresarial até as vantagens de investir nesse benefício. Vamos lá?

Neste artigo abordaremos os seguintes tópicos:

O que é e como funciona o plano de saúde empresarial

O que é e como funciona o plano de saúde empresarial

No Brasil, o acesso à saúde é um direito de todos e um dever do Estado, por isso sempre ouvimos falar a respeito do Sistema Único de Saúde (SUS). 

Embora esse programa sirva como inspiração para o restante do mundo, as filas de espera são quilométricas, e conseguir um atendimento digno é, muitas vezes, impossível.

Esses motivos abriram portas para o mercado de planos de saúde no país. Afinal de contas, ninguém quer esperar semanas para ter acesso a um atendimento médico de qualidade, não é mesmo?

O plano de saúde em si tem caráter preventivo, o indivíduo paga para quando necessitar ter acesso a serviços de saúde. A depender do que seja contratado, também é possível realizar exames de rotina, por exemplo.

Já o plano de saúde empresarial é um benefício pago pela empresa para os seus funcionários de forma integral ou parcial. 

Dessa forma, o colaborador tem acesso a um convênio médico de forma facilitada e com maior qualidade. 

Legal, não é? Abaixo, falaremos mais sobre como funciona esse acordo entre empresas e funcionários.

Imaginamos que estes conteúdos possam ser do seu interesse:
👉 Gestão de benefícios: os impactos na relação com os funcionários
👉 Clima organizacional: criando um ambiente positivo em sua empresa
👉 Qual a melhor estratégia para a retenção de talentos?

Como funciona o plano de saúde empresarial

No Brasil, o órgão responsável por regulamentar e fiscalizar os planos de saúde é a Agência Nacional de Saúde (ANS). Ela é incubida de determinar as coberturas mínimas que todos os planos devem oferecer e outras questões mais técnicas.

Não somente, uma operadora de plano de saúde também deve estar registrada na ANS para que tenha permissão de oferecer tal serviço.

De forma simples, o plano de saúde cede um convênio médico a funcionários e seus dependentes diretos (filhos), mas não para por aí. 

Não é incomum que colaboradores aposentados pela empresa e sócios também tenham direito a esse benefício.

Alguns planos empresariais também cobrem funcionários com menor status na hierarquia da empresa, como menores aprendizes, funcionários temporários e estagiários.

Tudo isso vai depender da negociação que a empresa fez com a operadora. Falaremos mais sobre o que deve ser levado em consideração antes de assinar um contrato de plano de saúde.

Agora, vamos entender como esse benefício pode impactar a vida dos colaboradores e, claro, a empresa!

Por que se preocupar com a saúde dos colaboradores

Por que se preocupar com a saúde dos colaboradores

É muito comum que as pessoas acabem deixando a saúde de lado em determinados momentos da vida. 

Diante de um problema, mesmo quando conseguem ser atendidos, nem sempre a assistência tem a qualidade esperada, afinal, há centenas de pessoas na fila.

Nem precisamos falar que a falta de acesso à saúde impacta, e muito, a vida da pessoa como um todo. A vida profissional dela, nesses casos, não fica de fora.

No Brasil, ainda é comum que as pessoas se automediquem para evitar a ida ao médico, mascarando uma doença que pode ser muito mais séria que uma simples dor de cabeça, por exemplo.

O resultado disso são indivíduos muitas vezes dispersos, com sua saúde comprometida e, naturalmente, preocupados.

Pensando nisso, uma organização que deseja atrair e reter bons profissionais não quer que esse tipo de questão esteja presente no dia a dia dos indivíduos. E é aqui que entra o plano de saúde empresarial!

O gestor que pensa no plano de saúde como um benefício somente do empregado não poderia estar mais enganado. Lembre-se que o empregador tem muito a ganhar com funcionários saudáveis e estimulados.

É aquela situação em que ambos ganham: o funcionário está saudável e inserido em uma empresa que se preocupa com ele; por outro lado, a empresa tem um funcionário motivado e que se torna um verdadeiro fã dela.

As vantagens do plano de saúde empresarial

plano de saúde empresarial

Agora falaremos mais a fundo sobre por que contar com um plano de saúde corporativo pode trazer diversos benefícios para ambiente de trabalho. Acompanhe!

As vantagens do plano de saúde empresarial

Quais os benefícios para a empresa

É importante frisarmos os benefícios do plano de saúde empresarial para as organizações, porque hoje em dia ainda é comum vermos empregadores que se recusam a oferecê-lo. 

Dentre os argumentos, como mencionamos, então os gastos elevados com a contratação dos planos. Contudo, precisamos colocar as vantagens e desvantagens na balança.

Aumento da produtividade

Quando um trabalhador se sente valorizado, ou melhor, cuidado pela empresa a que se dedica, é normal que ele tenha uma maior motivação, logo, seja mais produtivo.

O resultado são funcionários mais proativos que realmente querem contribuir para o crescimento da empresa. Afinal, ela é a fonte dos benefícios dos quais ele está usufruindo.

Redução no pagamento de impostos

Não há como fugir dos impostos, por isso o empreendedor precisa estar sempre muito ciente da existência deles. 

Contudo, é possível utilizar parte desse capital para investir em seus próprios funcionários!

Podemos falar aqui sobre o Imposto de Renda, no qual tanto funcionário quanto empregador podem declarar o benefício e ter um desconto.

Para a empresa isso é especialmente interessante, pois o benefício é direto, em vez de indireto — ou seja, pela mediação do Estado.

Diminuição do absenteísmo

Existe um paralelo muito claro entre funcionários com melhor estado de saúde e a diminuição da taxa de absenteísmo no trabalho.

Essa taxa diz respeito ao padrão de ausência dos funcionários, e quando o número é alto, a produtividade é bastante afetada. Isso impacta diretamente a lucratividade da empresa.

Ao oferecer um plano de saúde empresarial, a mensagem é clara: a empresa se importa com o seu bem-estar. Qualquer pessoa sente mais prazer em trabalhar onde a cultura organizacional tem esse tom.

Aqui a lógica é simples: funcionários mais saudáveis e que utilizam a medicina de forma preventiva (porque tem acesso facilitado) ficam menos doentes.

Atração e retenção de talentos: diminuição do turnover

O turnover é uma taxa de substituição de recursos humanos. Em outras palavras, empresas que não são capazes de reter seus funcionários acabam tendo um alto turnover.

Isso resulta em uma série de gastos para a empresa com processos de contratação e demissão de funcionários.

Ao contar com um benefício corporativo como a assistência médica empresarial, profissionais com mais experiência (o que podemos chamar de talentos) são atraídos pela empresa, pois isso é um diferencial.

Da mesma forma, esse tipo de benefício é um motivador para que os funcionários permaneçam na empresa, diminuindo a rotatividade.

Isso por si só evita novos gastos com processo de recrutamento, seleção, contratação, treinamento etc.

E quais os benefícios para o colaborador

Valorização do colaborador e sua família

Os benefícios do plano de saúde muitas vezes também englobam a família do funcionário, incluindo filhos e cônjuges.

Isso gera um senso de gratidão e melhora a qualidade de vida de toda a família, que agora conta com atendimento médico de qualidade.

Certamente, o senso de comprometimento é muito mais forte nesses indivíduos, que enxergam e reconhecem esse feito por parte da empresa.

Tranquilidade no dia a dia

Nada melhor que viver com uma preocupação a menos, não é mesmo? Pois bem, quando há garantia de assistência de qualidade em casos de doença ou acidentes, é possível viver muito mais tranquilamente.

Essa tranquilidade é proveniente, muitas vezes, da segurança financeira. Uma vez que não será preciso gastar com internação, exames e outras necessidades.

Não somente, muitos planos de saúde também permitem ao beneficiário realizar os famosos check-ups regulares. A medicina preventiva de que falamos anteriormente.

Atendimento de maior qualidade

O SUS é uma verdadeira joia brasileira, contudo, ainda não fornece o melhor atendimento que se pode encontrar. 

Além disso, é comum que pessoas sequer consigam ser atendidas antes de sua situação de saúde piorar. 

Sendo assim, ter a certeza de que terá assistência quando precisar é, certamente, uma das principais vantagens de contar com um plano de saúde empresarial.

O que ter em mente antes de contratar o plano de saúde

O que ter em mente antes de contratar o plano de saúde

Para contratar o plano de saúde para empresas mais adequado, é necessário avaliar uma série de pontos. Eles estão relacionados tanto ao porte da sua empresa como a operadora que fornecerá o convênio empresarial.

Sendo assim, abaixo vamos fornecer uma série de dicas para levar em consideração na hora de escolher o plano de saúde certo para os seus funcionários.

O que é preciso para fazer um plano de saúde empresarial?

Para contratar um plano de saúde empresarial, basta ter um CNPJ e pelo menos dois indivíduos cobertos. 

Vale ressaltar que o colaborador não pode fazer a contratação em nome da empresa. Ela deve entrar em contato com a operadora, firmar o contrato desejado e, então, fornecer o benefício para os seus funcionários.

Os tipos de plano de saúde empresarial

Atualmente, a ANS prevê duas modalidades de convênio médico empresarial: o plano de saúde coletivo empresarial e por adesão.

Plano de saúde coletivo empresarial

Esse tipo de plano de saúde é disponibilizado a todos os colaboradores e familiares que tenham vínculos com a empresa

Esse vínculo do qual falamos, por sua vez, pode ser de caráter empregatícios ou estatutários.

Em outras palavras, tem acesso ao benefício os trabalhadores formais, estagiários e sócios.

A cobertura vai variar de acordo com o contrato firmado pela empresa, e a cobrança da coparticipação pode ser feita pelo empregador ou operadora.

Plano de saúde coletivo por adesão

Esse tipo de plano de saúde é mediado por entidades de classe como sindicatos ou instituição representativa.

O indivíduo interessado deve ter um vínculo com a entidade para que possa aproveitar o benefício.

Confira abaixo uma comparação simples para facilitar o entendimento sobre essas duas modalidades.

tipos de planos de saúde empresariais

4 dicas para escolher o melhor plano empresarial

dicas para escolher o melhor plano empresarial

1. Conheça a cobertura dos planos

Esse é um ponto que deve ser analisado. Aqui, é muito importante pedir uma cópia do contrato antes de assiná-lo, a fim de examinar as opções e inspecionar minuciosamente as entrelinhas.

Cada operadora de plano de saúde vai ter uma abordagem específica e as coberturas vão variar de acordo com o tipo de plano contratado:

  • ambulatorial: cobre consultas, exames (incluindo pré-natal) e cirurgia (sem internação);
  • hospitalar: inclui internação e pode ou não cobrir obstetrícia;
  • referência: engloba o ambulatorial e o hospitalar;
  • odontológico: serve somente para procedimentos odontológicos.

Vale ressaltar que a ANS determina alguns procedimentos e eventos em saúde que têm cobertura obrigatória.

2. Dê atenção especial à rede credenciada

De nada adianta contar com as melhores coberturas se a rede credenciada pelo plano de saúde não é satisfatória, não é mesmo?

Por meio desse item também é possível identificar se o valor cobrado pelo plano de saúde empresarial é realmente justo.

Você pode solicitar uma lista com todos os hospitais, clínicas e laboratórios cobertos pelo plano que deseja contratar.

3. Entenda a carência

A carência é o período entre a contratação e a possibilidade de usar os benefícios do plano de saúde.

Isso é muito importante, porque os prazos variam drasticamente de uma operadora para outra e também entre os serviços.

Por exemplo, urgência e emergência costumam ter uma carência de 24 horas, enquanto partos podem ter até 300 dias.

Se a sua empresa está mudando de plano ou de operadora, vale a pena tentar aproveitar a portabilidade da carência.

Também vale ressaltar que se a sua empresa tiver mais de 30 beneficiários, não será exigido o cumprimento de carência.

4. Não deixe de perguntar sobre o reajuste

Os planos de saúde como um todo são reajustados anualmente, e isso é intermediado pela ANS. Assim, as operadoras não podem cobrar valores abusivos.

Talvez você não saiba, mas um ponto que influencia bastante os valores é a idade dos beneficiados. 

Sendo assim, é importante solicitar todos os detalhes que serão levados em consideração, afinal de contas, a empresa deve estar financeiramente organizada para lidar com esse reajuste.

Existem ainda outras formas de reajuste. Uma delas é por sinistralidade, ou seja, pela frequência de uso dos serviços.

Conclusão

Vimos que o plano de saúde empresarial é um importante benefício para a organização e, principalmente, para os colaboradores.

Para seus funcionários, contar com uma assistência médica séria e de qualidade é crucial para os cuidados com a saúde. E, como sabemos, uma pessoa saudável tende a apresentar uma performance de qualidade em seu dia a dia.

Para as empresas, o ganho em produtividade é visível, além, claro, de aumentar os níveis de satisfação da equipe. 

Índices como afastamentos e absenteísmo são reduzidos, e a atração de novos talentos permite aumento na força de trabalho e na construção de um time de alto nível.

Gostou das dicas sobre como lidar com o plano de saúde empresarial? Não deixe de acompanhar o blog do Tangerino para mais dicas administrativas como estas. Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades!

teste grátis 14 dias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.