Como Reduzir Custos Fixos na Empresa em Ano de Crise?

Um momento extenso de crise financeira pode afetar de forma irreversível as capacidades financeiras de uma organização. Por esse motivo, é preciso entender como reduzir custos fixos na empresa e lidar com essa situação.

Tempo de Leitura: 5 minutos

Última atualização em 14 de junho de 2021

Quando a economia aperta e os lucros são reduzidos, é comum que as organizações pensem em métodos para reduzir custos fixos na empresa e evitar — ou minimizar — os prejuízos.

Mas, isso não significa que você tenha que mexer em seu quadro de funcionários, nem diminuir a produção.

Veja como reduzir custos fixos na empresa adotando algumas medidas simples e mantendo o controle de despesas!

reduzir custos fixos

1. Controle de estoque

Sua empresa provavelmente tem um gasto fixo com estoque, mesmo que seja de materiais de escritório ou para produção.

Uma das primeiras atitudes quando o assunto é como reduzir custos fixos na empresa é fazer um balanço no estoque.

Dessa forma, você descobre quais itens devem ser realmente repostos e quais estão encalhados. É uma boa maneira de reavaliar métodos e processos da organização.

Ki do Departamento Pessoal

Por exemplo, você identifica que há um gasto exagerado com papéis e cartuchos de impressora. Que tal diminuir a quantidade de impressões feitas no dia a dia e concentrar tudo em arquivos digitais?

Aproveite que está por aqui e confira também:
👉 Fui demitido, e agora?
👉 Downsizing: entenda os detalhes desse conceito
👉 Reintegração de funcionário: como lidar com essa situação?
👉 Modelo de trabalho híbrido: sua empresa está preparada para o futuro?

2. Gastos com energia elétrica

De modo geral, energia elétrica é essencial para o funcionamento das empresas e um dos maiores custos no fim do mês.

Mas há certas coisas que você pode fazer para otimizar o uso da energia. Primeiro, que tal criar campanhas de conscientização entre os funcionários e disseminá-las via comunicação interna?

Algumas atitudes são simples e podem contribuir para reduzir os gastos. Veja algumas:

  • ligar o ar-condicionado apenas quando for realmente necessário;
  • sempre desligar os computadores ao final do expediente;
  • quando sair do banheiro, certificar-se de que a luz esteja apagada;
  • deixar as persianas abertas para utilizar a luz natural o máximo possível.

Além disso, investir em uma iluminação consciente também é importante. Em vez de lâmpadas incandescentes, você pode trocar por algumas de LED ou fluorescentes. Esse simples ato pode gerar uma economia de 60% da conta.

3. Serviços de telefonia e internet

Para a maioria dos negócios, a internet e o telefone são fundamentais. Seja para a produção, para o relacionamento com o cliente ou até para as vendas. Mas, existem formas de você não gastar tanto para utilizar esse tipo de serviço.

A primeira coisa a fazer é identificar exatamente qual é a necessidade da sua empresa no quesito velocidade de internet e minutos de ligações.

Calculadora do custo de colaborador

A partir de então, você consegue negociar com a empresa prestadora de serviço ou até pesquisar planos mais em conta em outras operadoras que ofereçam pacotes corporativos.

Além disso, a comunicação via VoIP é uma inovação que permite ligações por meio da internet, contribuindo para a economia de planos de telefonia na empresa.

4. Trabalho a distância

Em alguns modelos de negócio, é possível permitir que seus funcionários trabalhem a distância. Já imaginou se, uma vez por semana, alguns colaboradores trabalhassem em home office?

Eles continuarão produzindo, mas no ambiente doméstico. Isso contribui para melhorar o dia do profissional, que pode passar mais tempo com a família, evitar o trânsito e aproveitar as horas livres.

Esse simples ato, além de deixar o colaborador satisfeito, impacta em valores de vale-transporte, lanches que a empresa oferece pela manhã ou à tarde e ainda economiza energia.

Para essas situações, é importante contar com um aplicativo de controle de ponto. Essa tecnologia permite monitorar a jornada de trabalho dos seus colaboradores em qualquer lugar e as informações ficam armazenadas na nuvem!

Temos vários materiais sobre esse assunto. Confira alguns:
📚 Trabalho remoto: ferramentas para facilitar a gestão a distância
📚 Modelo de contrato de home office: como se manter dentro das leis
📚 Tudo o que a sua empresa precisa saber para implementar o home office
📚 Gestão de pessoas remota: o guia completo para colocar em prática na sua empresa

5. Otimize as horas de trabalho dos funcionários

Você já chegou a analisar a produção dos seus funcionários, como quantas horas extras são pagas por mês e outros aspectos da jornada de trabalho?

Pois saiba que aí podem estar oportunidades preciosas de economia para reduzir custos fixos na empresa!

Atualmente você pode contar com softwares de controle de ponto online, que permitem que os colaboradores sinalizem o momento de início e término da jornada de trabalho, além de muitas outras informações.

Dessa forma, fica mais fácil ter um controle de horas extras e acompanhar a produtividade da equipe, tomando medidas para reduzir a ociosidade dos setores e aumentar a competitividade da empresa.

Quer entender como a solução do Tangerino pode ajudar a otimizar os custos e a rotina da sua empresa? Veja o case de sucesso da Sólides, nossa parceira e cliente.

Nosso app consegue reduzir os custos com horas extras em até 80%, oferece mais segurança na gestão de presença dos colaboradores, evita fraudes e permite que as empresas não tenham que lidar com problemas trabalhistas.

Gostou dessa solução sobre como reduzir custos fixos na empresa? Então conheça nossa ferramenta de ponto digital que pode revolucionar a sua rotina corporativa! 

Faça um teste Grátis