Como Funciona o Ponto Eletrônico? Entenda Como o Registro É Feito!

O ponto eletrônico possui muitos detalhes que podem deixar empresas e funcionários confusos durante a sua implementação. Por isso, explicamos as suas principais funcionalidades.

Tempo de Leitura: 6 minutos

Última atualização em 14 de junho de 2021

Já se perguntou como funciona o ponto eletrônico? Ele é uma tecnologia segura e prática para registrar e acompanhar a jornada, inclusive de trabalhadores remotos. Ele favorece a redução de custos e otimiza o trabalho do RH e do DP.

>> Ainda não sabe qual é o modelo de controle de ponto ideal para a sua empresa? Vamos ajudar você a descobrir! <<

Os parâmetros de funcionamento do Relógio Eletrônico de Ponto (REP) foram estabelecidos pelo Ministério do Trabalho em 2009, mas até hoje muitas empresas não sabem ao certo como funciona o ponto eletrônico.

Essa dúvida também permeia sua empresa? Neste post, você vai conhecer a fundo esse sistema de ponto eletrônico, como ele funciona e quais as suas vantagens. Siga em frente e boa leitura!

Como funciona a marcação do ponto?

Como funciona a marcação do ponto

A forma como funciona o ponto eletrônico depende da maneira escolhida para que o funcionário registre sua presença.

Existem sistemas que exigem que o colaborador digite uma senha, outros funcionam com cartões e há ainda os que utilizam a leitura biométrica.

Entre eles, o relógio de ponto biométrico é o método mais seguro contra fraudes e mais simples de usar, partindo do ponto de vista do colaborador.

O controle de ponto manual é colocado nas dependências da empresa e deve estar o tempo todo disponível para todos os funcionários.

Por meio dele, a jornada de trabalho é registrada, como o próprio nome sugere, de forma manual, através de anotações com os horários de entrada, saída e intervalos.

Nem precisamos mencionar todas as implicações negativas desse sistema manual, não é mesmo?

Além de rasuras, esse método é totalmente passível de fraudes, sejam elas partindo do empregador ou mesmo colaborador.

Separamos estes artigos que também podem despertar seu interesse:
👉 Tudo sobre o controle de ponto digital
👉 Folha de pagamento: veja quais detalhes não podem ficar de fora
👉 Teletrabalho e home office: quais são as principais diferenças?
👉 Case da Sólides: como o Tangerino ajudou a otimizar os processos

Em contrapartida, o ponto eletrônico digital é um aplicativo com GPS integrado, que pode ser instalado no smartphone de cada colaborador ou em um dispositivo da empresa, como um notebook ou tablet de fácil acesso para os colaboradores.

O funcionário deve registrar o ponto assim que chegar na empresa e logo antes de ir embora, assim como no início e término de intervalos.

A legislação que determina como funciona o ponto eletrônico exige que a cada registro seja emitido um comprovante com nome do funcionário, CPF, número do PIS, local, data e horário.

No caso do controle de ponto digital, o comprovante é enviado por e-mail, facilitando o controle e o acesso dos colaboradores.

Como é feito o controle da jornada de trabalho?

Como é feito o controle da jornada de trabalho

Os sistemas de ponto eletrônico tradicionais armazenam todos os dados da jornada de trabalho, para que sejam coletados pelo Departamento Pessoal e importados para um software.

Planilha de controle de ponto

A partir desses dados, devem ser feitos os cálculos sobre o controle de horas extras, adicionais noturnos e descontos por faltas e atrasos.

Alguns relógios de ponto podem ser integrados com sistemas de folha de pagamento, facilitando a vida do RH e do DP simultaneamente.

Nesses casos não é necessário lançar manualmente as jornadas de trabalho: o valor pago a cada funcionário é calculado automaticamente pelo sistema.

Também existe a possibilidade de usar um ponto eletrônico comum integrado ao marcador de ponto digital.

Dessa forma, os dados são registrados pelo equipamento fixo na empresa e tratados pelo software do aplicativo.

O software, por sua vez, oferece relatórios mais detalhados, um sistema de gerenciamento de escalas, entre outras funcionalidades.

Aproveite que está por aqui e confira também:
📚 A tecnologia transformando a mobilidade no mundo corporativo
📚 Sobrecarga no trabalho: saiba como evitar este mal na sua empresa
📚 Como engajar colaboradores para diminuir as taxas de absenteísmo e turnover
📚 Faça o teste e descubra qual o modelo de controle de ponto ideal para sua empresa

Quais as vantagens do ponto eletrônico digital?

Quais as vantagens do ponto eletrônico digital

O aplicativo de ponto é uma alternativa ao sistema de ponto eletrônico tradicional, com o diferencial de não exigir a instalação de um equipamento dentro da empresa.

Cada funcionário instala o app em seu celular, tornando o monitoramento de horários mais fácil tanto para as empresas quanto para os colaboradores.

Como o ponto funciona totalmente online, o departamento pessoal tem acesso em tempo real à presença dos funcionários no local de trabalho, facilitando o controle de faltas e atrasos.

Seu software de gerenciamento de horas trabalhadas é completo, com cálculo automático do banco de horas e relatórios que economizam muito tempo do RH.

A forma como funciona o ponto eletrônico é determinada pelas portarias 1510/09 e 373/11 do MTE, tanto no caso do digital quanto do REP comum.

Ou seja, em ambos os casos, os registros são aceitos pela justiça do trabalho e podem ser utilizados para eventuais auditorias.

Ainda tem dúvidas sobre a utilização desse sistema? Veja o que um dos clientes do Tangerino tem a dizer sobre a nossa solução.

No Tangerino, entendemos que uma gestão de jornada de trabalho eficiente faz toda a diferença para colaboradores, RH e DP. 

Viu como uma boa solução de gestão de ponto pode favorecer o dia a dia da sua empresa e ajudar a otimizar os processos?

Se conseguimos despertar seu interesse pelo controle de ponto eletrônico digital, não perca mais tempo, faça agora um teste gratuito da ferramenta e melhore os processos da sua empresa!

Faça um teste Grátis