Comportamento organizacional: entenda o lado humano da sua empresa

Tempo de leitura: 7 minutos

O resultado do trabalho da sua equipe depende do planejamento, modelo de gestão, ajuste de custos, despesas e muitos outros fatores. 

No entanto, observa-se que nem todos os gestores dão atenção para as questões que afetam o relacionamento interpessoal e prejudicam a produtividade da equipe, como o comportamento organizacional. 

As condutas individual e coletiva traduzem o modo como as pessoas agem dentro da empresa e lidam tanto com outros colaboradores quanto com as suas tarefas. Esse conhecimento é importante para evitar problemas que afetam o clima corporativo e diminuem o rendimento que passa a ser substituído pela falta de motivação.

Quer saber porquê estudar essa variável é fundamental para o progresso do seu negócio? Continue a leitura do artigo e descubra! 

O que é comportamento organizacional 

O comportamento organizacional é definido como o resultado da conduta, costumes e atitudes que todos os profissionais têm dentro da empresa. 

Esse elemento influencia o clima, e também baseia a percepção dos clientes, fornecedores, terceirizados e pessoas que têm um relacionamento indireto, por exemplo, os familiares dos funcionários.

Os negócios são criados para crescer e se desenvolver, certo? Para isso, o processo de gestão de pessoas precisa ser revisto frequentemente de modo a conhecer e até mesmo prever problemas entre os colaboradores, e definir estratégias para alcançar os resultados desejados.

A partir do estudo avaliativo do comportamento organizacional o RH consegue visualizar as falhas de cultura empresarial que precisam ser melhoradas. 

Esse método é útil para evitar que o ambiente seja desestruturado por relações que não condizem com os valores e propósitos da organização.

Avaliação

Possivelmente você já deve ter observado que no seu local de trabalho existem alguns padrões de comportamento e semelhanças de atitudes. Esse fato acontece porque as ações dos seres humanos podem ser influenciadas pelos outros. 

Para realizar uma gestão de pessoas bem-sucedida, com empenho para melhorar o engajamento entre a equipe e os resultados da empresa, é necessário analisar o comportamento organizacional para entender como os funcionários se portam no trabalho.

Níveis avaliativos

O comportamento organizacional é dividido em três níveis inter-relacionados: 

  • indivíduos;
  • grupos;
  • estrutura organizacional.

Os indivíduos são o elemento básico do comportamento organizacional. Nesse conjunto faz-se o estudo do colaborador, seus objetivos, produtividade, expectativas, motivação, habilidades, competências e interferências que atrapalham o seu rendimento laboral. 

O estudo dos indivíduos é fundamental para conhecê-los e, a partir de então, atribuir tarefas de acordo com as capacidades técnicas e aproveitar melhor os talentos e potenciais disponíveis. 

No nível de grupo a empresa é avaliada na totalidade. A formação de equipes e as funções desempenhadas, comunicação e interação entre os membros, a liderança, o seu papel e poder de influência são examinados com o propósito de conectar os grupos, que geralmente são divididas por setor, para efetivar o trabalho em conjunto. 

Dessa forma, acredita-se que haverá maior bem-estar, mais motivação e aumento da produtividade, já que pessoas satisfeitas tendem a produzir mais. 

Na categoria de estrutura ou sistema organizacional analisa-se a maneira como todos os grupos se relacionam entre si e com os stakeholders, e também as políticas de gestão e recursos humanos que são exercidas.

Aqui, o objetivo é avaliar o impacto desse comportamento na estrutura organizacional para entender como e quanto a cultura influencia as atitudes dos colaboradores.

a importância do estudo de comportamento organizacional

Descubra a importância do estudo de comportamento organizacional

O estudo do comportamento organizacional tem o propósito de avaliar o clima e a postura dos colaboradores em relação ao seu trabalho.

Ter esse entendimento viabiliza a percepção das potencialidades e fragilidades dos profissionais que interferem no seu desempenho. Veja a relevância desse conhecimento para a sua empresa:

  • ajuda no entendimento das dificuldades que impedem um bom relacionamento interpessoal e entre grupos;
  • colabora na melhoria dos processos da gestão de pessoas, tanto para prever e evitar problemas quanto para definir métodos de liderança e estratégias de comando;
  • favorece a compreensão dos conhecimentos e habilidades profissionais disponíveis;
  • identifica como as organizações afetam a saúde das pessoas e como o impacto pode ser minimizado;
  • prepara a liderança para atuar com os indivíduos e com os reflexos que são gerados no grupo; 
  • mostra como os funcionários enxergam a organização, o seu papel, as atividades desenvolvidas e a importância disso na vida pessoal; 
  • revela quais são os fatores que elevam ou reduzem a produtividade das equipes.

De modo geral, estudar o comportamento organizacional é necessário para identificar os problemas que afetam o desempenho dos colaboradores. 

A partir disso será possível criar uma estratégia de comportamento organizacional que favoreça a empresa e os resultados. Logo, subentende-se a importância dessa ferramenta para facilitar a gestão de pessoas.

Conheça o impacto do mau comportamento organizacional

O comportamento organizacional tem grande efeito sobre os resultados do seu negócio, independentemente da área de atuação. 

A falta de motivação e outras questões de clima podem surgir em nível individual e se estender até atingir vários grupos. Portanto, se o ambiente da sua empresa estiver desfavorável, possivelmente os resultados serão impactados de forma negativa. 

Isso porque, nesses casos, pode haver um aumento na taxa de absenteísmo ー quando o colaborador se ausenta do trabalho por falta ou atraso.

O turnover também é consequência de um clima organizacional pouco saudável. O termo diz respeito a rotatividade sucessiva dos colaboradores por insatisfações diversas, como falta de motivação ou problemas de relacionamento.

A saúde é outra questão impactada pelo comportamento organizacional. Pessoas desanimadas e descontentes com a sua função estão sujeitas a adoecer com mais facilidade. 

Talvez, realmente possa haver um problema de saúde maior em questão. Contudo, esse também é um indício da falta de motivação que pode levar a ausência do profissional no seu posto de trabalho.

Para não sofrer com as consequências negativas geradas pela falta de controle do comportamento organizacional, o melhor é se precaver a partir do estudo das condutas individuais e coletivas dos membros da sua empresa.

Veja como fazer uma pesquisa de comportamento organizacional

Agora que você já sabe da importância de um bom comportamento organizacional na sua empresa é hora de colocar o conhecimento em prática e planejar uma estratégia que alcance o nível de indivíduo e de grupo.

A avaliação do ambiente corporativo deve conter alguns critérios, por exemplo:

  • comprometimento;
  • comunicação eficiente;
  • criatividade e inovação para propor novas soluções;
  • indicadores de desempenho individual e em grupo; 
  • iniciativa pessoal e motivação;
  • número de faltas do colaborador;
  • relacionamento interpessoal e entrosamento entre os membros; 
  • responsabilidade com as metas e objetivos da empresa;
  • senso colaborativo;
  • índice de rotatividade (turnover). 

A avaliação pode ser feita por testes psicológicos que identifiquem as características comportamentais e de personalidade, ou por softwares específicos de mapeamento dos colaboradores.

Após essa etapa o RH fará a interpretação dos resultados para elaborar junto aos líderes e gestores as práticas que serão implementadas para melhorar o comportamento organizacional. 

Conclusão

A empresa que deseja contar com profissionais motivados e comprometidos com o sucesso precisa se esforçar para promover um clima positivo. Desse modo, as ações de toda a equipe serão um reflexo do comportamento habitual do lugar em que ela está inserida. 

Avaliar e estudar essa questão é uma boa iniciativa para conhecer a conduta dos colaboradores, auxiliar o seu desenvolvimento profissional e acompanhar a performance da equipe. 

Afinal, os resultados dependem do esforço e atitudes assertivas das pessoas que tem um comportamento organizacional saudável e motivador. Gostou deste artigo? Aproveite e veja como engajar os colaboradores com uma comunicação interna eficiente!